Secretário de Agricultura do Rio de Janeiro discute soluções para a agropecuária no estado com Embrapa Solos Inovação e parcerias foram os principais temas do encontro
Destaques, Notícias | março 27, 2019 em 11:41 AM
A- A+

O secretário de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento do Rio de Janeiro, Eduardo Lopes, acompanhado do subsecretário adjunto de agricultura familiar, Adriano Lopes, visitou nesta terça-feira (26/3) a Embrapa Solos. Localizada no Jardim Botânico, na zona sul do Rio, o objetivo foi falar com o chefe geral da unidade, José Carlos Polidoro, e a chefe de transferência de tecnologia, Petula Ponciano, sobre estabelecer as bases para a construção do plano de desenvolvimento do agronegócio fluminense.

Durante a visita à Embrapa, o secretário e os chefes da instituição debateram diversos temas com foco no desenvolvimento agropecuário estadual, como a atenção aos agricultores familiares, investimentos na agroindústria alimentícia, incremento do agroturismo e parcerias com universidades públicas e demais instituições interessadas no avanço tecnológico agropecuário do Rio de janeiro. 

Na opinião do subsecretário adjunto de agricultura familiar da Seappa, Adriano Lopes, a integração entre as instituições será um marco para o desenvolvimento sustentável da agropecuária no estado.

“A integração da Secretaria de Agricultura com as unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) é muito importante porque ela inclui tanto a parte de planejamento e preparo a partir da demanda de estudos de solo e classificação das potencialidades de uso, quanto através das tecnologias sustentáveis de produção, que a unidade de agrobiologia representa, e fecha o ciclo da cadeia produtiva com a unidade de alimentos, que podem prestar toda sorte de experiências em relação ao processamento de alimentos. Assim temos chance com a aproximação das unidades de desenvolverem tecnologicamente o setor do agro no Rio de Janeiro em todas as suas etapas de produção”, destacou.

Para José Polidoro, as metas do governo devem ser cumpridas, mas para isso será necessário haver parceria da Secretaria de Agricultura do Estado e de suas empresas vinculadas, como a Pesagro e a Emater-Rio, com a Embrapa para a concretização do plano de desenvolvimento agropecuário estadual, por meio de acordo de cooperação técnica.

“Nós queremos fazer uma aproximação institucional mais intensa entre a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e a Secretaria de Estado de Agricultura (Seappa). Nossa expectativa é  colaborar com o plano de desenvolvimento agropecuário que a própria Seappa quer atingir, conforme as metas estabelecidas pelo Governo Witzel, como o aumento do Produto Interno Bruto (PIB), crescimento do agronegócio e demais projetos. Na verdade, nós não temos um plano institucional com objetivos práticos para que possamos colaborar com essas metas. A parceria tem foco na pesquisa e na inovação tecnológica agropecuária”, afirmou. 

“Esperamos que o resultado deste diálogo com o secretário de Agricultura do Estado, Eduardo Lopes, seja o melhor possível, a fim de atingirmos os nossos objetivos no Rio de Janeiro dentro do setor agropecuário, com foco no uso de aportes tecnológicos, porque sabemos que o estado tem grande potencial no setor e chances de grandes inovações”, complementou a chefe de transferência de tecnologia, Petula Ponciano.

Para a chefe geral da agroindústria de alimentos da Embrapa, Lourdes Cabral, as metas devem seguir um prazo programado e prático para a realização dos objetivos que se propõe em prol do setor no estado. “Esperamos sair desse encontro na Embrapa com um calendário de programação em que possamos, em curto prazo de tempo possível, realizar um plano de trabalho contínuo”, defendeu.

De acordo com o secretário estadual de Agricultura, Eduardo Lopes, a boa vontade é a chave para o êxito dos objetivos e parcerias em prol do desenvolvimento agropecuário no estado.

“Eu chamo a boa vontade como mola propulsora de tudo. Todos nós, imbuídos em uma ação, esta tem tudo para dar certo. Aqui, a Embrapa com a Secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, nos trará ótimas relações parceiras. A Embrapa é, para o povo brasileiro, sinônimo de inovação e responsabilidade. E quando conseguimos unir forças desta instituição com a Seappa e as empresas vinculadas (Emater-Rio, Pesagro e Fiperj) o objetivo se torna viável, sempre em prol do crescimento dos agricultores familiares, da qualidade da produção agropecuária, do desenvolvimento econômico do Rio de Janeiro”, explicou. 

E concluiu: “Temos como compromisso fortalecer a agricultura e garantir o aumento do Produto Interno Bruto (PIB) de nosso estado com um acordo de cooperação técnica bem amplo e ajustado para atingirmos juntos essas nossas metas”.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Seappa

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Torne-se Fã do Portal no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.prb10rj.com.br Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela ASCOM - RJ.