Prefeito Marcelo Crivela e senador Eduardo Lopes comparecem à cerimônia de abertura do mutirão de cirurgia de catarata
Prefeito Marcelo Crivela e senador Eduardo Lopes comparecem à cerimônia de abertura do mutirão de cirurgia de catarata Serão 420 pacientes operados em seis dias

A parceria entre o Instituto Benjamin Constant (IBC) e a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio) está realizando o mutirão que pretende zerar a fila de pacientes do IBC. A proposta surgiu porque pacientes estavam há meses esperando por esta cirurgia. Durante esta semana, os centros cirúrgicos vão funcionar das 7 h até o fim da última cirurgia e o esforço é para atingir a meta de 420 cirurgias. Outra boa notícia é que haverá um convênio que garantirá o apoio do Hospital Universitário Gaffrée e Guinle (HUGG) ao Programa de Residência Médica do IBC, o que valerá para a contratação de profissionais médicos, aquisição dos insumos necessários para a realização das cirurgias e outros procedimentos.

Presente à solenidade, o prefeito Marcelo Crivella confirmou a efetivação da contratualização do serviço médico do Instituto ao Sistema Único de Saúde (SUS) – fundamental para reduzir a fila de pacientes para cirurgias de catarata no município e que já ultrapassam 15 mil pessoas.

“Este serviço será realizado por meio do convênio de cooperação técnica entre o Instituto e o Hospital Gaffrée e Guinle. Nossa intenção é fazer um convênio com o SUS para que essa inciativa possa atender também pelo Sistema de Regulamentação da Prefeitura (Sisreg). Seguimos firmes buscando parecias para cuidar das pessoas!”, disse o prefeito.

 

O senador Eduardo Lopes falou sobre a importância da inciativa: “Sabemos o quanto este mutirão será importante para aqueles que estão na fila esperando e com necessidade de atendimento. Ficamos felizes, pois esta iniciativa só reafirma o valor de cuidarmos da Saúde da população”.

O diretor do Hospital Graffé e Guinle, Fernando Ferry, agradeceu ao prefeito Marcelo Crivella e destacou a importância da parceria. “Prefeito, o senhor entendeu a importância do trabalho do Benjamin Constant, deu todo apoio e com certeza esta parceria com a prefeitura será muito proveitosa porque, na medida em que fizermos a contratualização, todos os atendimentos no IBC serão exclusivamente da fila do Sisreg da Prefeitura do Rio de Janeiro”.

Unindo forças

A equipe do Instituto recebeu o reforço de médicos do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás, que pertence à rede de hospitais universitários federais administrados pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), assim como o próprio HUGG. Para o diretor-geral do IBC, João Ricardo Melo Figueiredo, o mutirão marca o início de uma nova fase para o Programa de Residência Médica do Instituto.
“Vamos poder não só continuar o trabalho de excelência pelo qual somos reconhecidos, como ampliá-lo, beneficiando um número ainda maior de pessoas”, disse o diretor.

Como funcionará?

Com a contratualização pelo SUS, o IBC deixará de ter uma lista própria de pacientes e passará a atender através da fila única do Sisreg, que controla e regulamenta os recursos hospitalares e ambulatoriais especializados nos níveis municipal, estadual e regional. De acordo com o diretor-geral do Benjamin Constant, a adesão ao SUS não mudará a rotina de atendimento ao público prioritário da Instituição, que são os seus alunos do ensino fundamental e da reabilitação. Entre as autoridades presentes ao evento, estiveram o vereador João Mendes e o secretário Municipal de Saúde, Marco Antonio de Mattos.​

Ascom PRB RJ/ Com informações InstitutoBenjamim Constant.

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Torne-se Fã do Portal no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.prb10rj.com.br Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela ASCOM - RJ.