Crivella acompanha início de mutirão de cirurgias de catarata

Parceria entre a Prefeitura do Rio de Janeiro e a Rede D’Or São Luís vai garantir cerca de 500 cirurgias em pacientes do SUS

Rio de Janeiro (RJ) – A Prefeitura do Rio de Janeiro e a Rede D’Or São Luís deram início, no sábado (21), ao mutirão de cirurgias de catarata em pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com o termo de cooperação sem ônus para a Prefeitura, assinado em julho, serão realizadas 500 cirurgias em pessoas que aguardam na fila do Sistema de Regulação do município, o Sisreg. O prefeito Marcelo Crivella (PRB) acompanhou os primeiros procedimentos, no Hospital Quinta D’Or.

“Centenas de pessoas estão encontrando hoje a esperança de realizar sua cirurgia rapidamente graças a esse convênio com a Rede D’Or. Todos nós sabemos que a cirurgia de catarata se demorar muito o resultado piora e, às vezes, nem tem resultado”, disse o prefeito.

Inicialmente, foram agendados 20 pacientes que aguardavam a cirurgia no segundo olho. Os procedimentos serão realizados sempre aos fins de semana e os pacientes, que já fizeram risco cirúrgico e exames pré-operatórios na rede municipal de saúde serão reavaliados por especialistas da Rede D’Or São Luiz.

A parceria é fruto do esforço da Secretaria Municipal de Saúde para aumentar a oferta de serviços em oftalmologia, uma das especialidades médicas com maior procura. Este é o segundo acordo que a Prefeitura faz com uma empresa do setor de saúde. No início de junho, a Unimed-Rio se comprometeu a pagar dívidas que tem com o município por meio de cirurgias de catarata.

“Há pouco, estava conversando com uma senhora e ela disse que já operou um olho que era o pior e hoje ia operar o segundo olho. E eu disse que já já ela iria passar a linha na agulha. E ela me respondeu que já estava passando e já tinha voltado a costurar. Isso é bom demais!”, contou Crivella.

Outra ação para diminuir o tempo de espera na fila por procedimentos oftalmológicos foi o mutirão do Hospital Municipal Miguel Couto. A entrega ao hospital de um novo microscópio oftalmológico permitiu dobrar a média de cirurgias mensais de catarata realizadas pela unidade: de 30 para 60.

Texto e foto: Ascom – Prefeitura do Rio de Janeiro

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Torne-se Fã do Portal no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.prb10rj.com.br Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela ASCOM - RJ.